sábado, 4 de julho de 2015

Mas que raio?

Conversas de café...descobri alguém que é o oposto de mim sendo contra quase tudo aquilo que eu defendo como direitos do ser humano, tais como eutanásia, aborto e outros assuntos complexos...sendo totalmente extremista dizendo que estando o destino traçado temos de o aceitar. Como futura psicóloga não posso aceitar isto, uma vez que vou auxiliar quem necessita de uma mudança ou estratégias de lidar com situações...e para culminar diz que o 25 de Abril foi o pior que aconteceu neste país.


Sei que podem ter opiniões contrários à minha, vocês leitores, mas onde quero chegar é que por vezes assusta-me que pessoas mais novas que eu tenham ideias extremistas e neste caso fascistas até.


16 comentários :

  1. O namorado da minha melhor amiga é assim, Burro que dói! Chega ao ponto de defender o Salazar e o Hitler! Apoia a morte de negros, ciganos e deficientes (nazismo no seu melhor) o que só por si é chocante mas temos ainda o facto de ele próprio ter deficiências. Ironia e burrice no seu melhor.

    ResponderEliminar
  2. As pessoas extremistas assustam sejam extrema esquerda ou extrema direita!!
    r: Sinceramente não sei Diana, só sei que quando mudas o link, continuas a ter os seguidores que tinhas mas os posts deixam de aparecer no feed das pessoas que seguem, a solução (ou vá uma delas xD não sei mais nenhuma) é a pessoa deixar de seguir e voltar a seguir e assim já está nromalizado!

    ResponderEliminar
  3. Obrigada pela visita Diana** Eu percebo e apoio o teu ponto de vista. Acho que ninguém tem direito de tirar a vida a ninguém! Mas infelizmente a sociedade hoje em dia quer ser "moderna" e apoia essas parvoíces. enfim. Que sejas uma excelente psicóloga ;) segui o teu blog* caso me queiras seguir aqui fica o link ;)
    beijo
    http://mypreciouspace.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. Pois, eu também não gosto de opiniões radicais... mas tens de aprender a respeitar.

    ResponderEliminar
  5. é de fato assustador...
    bem, espero que corra tudo bem na tua carreira! :)
    r: estava a pensar ir para o Porto ou Braga! :)

    ResponderEliminar
  6. Antes de ler a última parte ia perguntar se a pessoa pelo menos já era idosa ou se para lá caminhava... Mas sendo assim é mesmo chocante!

    ResponderEliminar
  7. R: Acho que ainda não saiu no cinema, eu vi na net =P

    ResponderEliminar
  8. Eu sei o que é isso de conhecer alguém que é exatamente o oposto de ti em tudo, mas não te esqueças que devemos sempre respeitar a opinião dos outros.
    Já agora eu partilho da mesma opinião que tu em todos esses temas que referiste.
    Beijos.
    http://mariacrescida.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  9. Eu sei o que é isso de conhecer alguém que é exatamente o oposto de ti em tudo, mas não te esqueças que devemos sempre respeitar a opinião dos outros.
    Já agora eu partilho da mesma opinião que tu em todos esses temas que referiste.
    Beijos.
    http://mariacrescida.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  10. Diana...obrigada pela passagem pelo meu blog!
    Psicóloga...uma profissão interessante que se deseja e que "muita entidade" nada faz por colocar nos seus quadros!
    Não ter a mesma opinião pode ser aliciante...desde que se respeitem opiniões!
    Eu adoro café...e bj

    ResponderEliminar
  11. Diana...obrigada pela passagem pelo meu blog!
    Psicóloga...uma profissão interessante que se deseja e que "muita entidade" nada faz por colocar nos seus quadros!
    Não ter a mesma opinião pode ser aliciante...desde que se respeitem opiniões!
    Eu adoro café...e bj

    ResponderEliminar
  12. E não é para menos. Opinião é uma coisa, extremismo é outra e este último é tudo menos benéfico principalmente no que toca a esse tipo de ideologias e temáticas

    ResponderEliminar
  13. Fantástico adorei o teu blog e adicionei-o como os blogues que eu sigo lá no meu blog. Passa lá e vê também sigo psicologia ;)

    http://oshomensnaosaotodosiguais.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  14. Entendo o teu alarme. Uma coisa é ter uma opinião, outra é defender certas coisas de uma maneira que as torna a modos que "perigosas". Mas é uma mente em mil e talvez se fique apenas pelas palavras :)

    ResponderEliminar
  15. são maneiras de pensar, mas o que eu acho é que ideias extremistas nunca são boas, porque são pessoas muito pouco flexíveis

    ResponderEliminar