quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Preparou-me o jantar,

acendeu as velas, e nesta imensidão de casa, desnecessariamente grande e com demasiados quartos e salas e uma perdição de corredores e riquezas, acabamos por ter o nosso primeiro jantar. Não quero tanta riqueza, tanta desnecessária demonstração de poder, sou uma mulher do campo, quero uma boa refeição e uma boa conversa, partilha, sinceridade, simplicidade sobretudo. Digo não ás formalidades, não a uma distância enorme que nos separa neste momento devido ao comprimento da mesa e à quantidade de comida, disposta ridiculamente quase por cores ou alfabeticamente. Acho que este vai fora da minha lista de pretendentes. Pff, adios.
       
                                                                                                                                 Diana Machado
                                                                                                                             

6 comentários :

  1. R: É tão mas tão bom. Estou mesmo feliz!

    ResponderEliminar
  2. "Não quero tanta riqueza, tanta desnecessária demonstração de poder, sou uma mulher do campo, quero uma boa refeição e uma boa conversa, partilha, sinceridade, simplicidade sobretudo."

    Lindo, obrigada por escreveres assim :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada :)! saber que gostam do que eu escrevo é óptimo

      Eliminar